Segunda-feira, 27 de Abril de 2020

Diferenças entre o anticongelante orgânico e inorgânico

Existem muitas dúvidas acerca do líquido anticongelante e do sistema de refrigeração dos automóveis. Assim, vamos responder a estas e a outras questões relacionadas com estes elementos, aos quais normalmente se presta a devida atenção.

Começamos por explicar a diferença que existe entre um anticongelante orgânico e inorgânico. Basicamente, ambos são constituídos por etilenoglicol, um agente anticongelante bastante comum. Mas diferem nos restantes aditivos que compõem a mistura. Os aditivos que mencionamos, misturados com água destilada (ou seja, desmineralizada) são responsáveis por garantir a proteção contra a corrosão dos diferentes componentes do motor, como o radiador e a bomba de água.

A diferença principal entre um anticongelante orgânico e inorgânico reside, precisamente, nestes inibidores de corrosão. Os produtos inorgânicos utilizam produtos como o silicato, que tendem a degradar-se ao longo do tempo, diminuindo a sua eficácia e arriscando a ser uma fonte de avarias no futuro. Os orgânicos, por sua vez, têm um período de duração mais longo e são biodegradáveis, sendo por isso menos prejudiciais para o ambiente. Além disso, a sua capacidade de evitar a congelação é mais elevada, conseguindo manter-se a temperaturas de quase 40 graus abaixo de zero.

Posso usar um anticongelante orgânico no meu carro? É claro que sim, embora seja sempre aconselhável seguir as recomendações do fabricante. De qualquer modo, se o seu carro é relativamente recente, é possível que já utilize refrigerante líquido orgânico. Se não, a única precaução que deve tomar é certificar-se de que o sistema de arrefecimento do seu carro utiliza um radiador de alumínio e não de cobre ou de latão.

Cada marca define ou recomenda um período de tempo para a substituição do anticongelante. Em geral, a cada dois anos ou 40.000 km. É evidente que nunca se deve misturar anticongelante orgânico com inorgânico. Se o fizer, as suas propriedades vão deixar de ser as mais adequadas, podendo mesmo desencadear o aparecimento de corrosão no sistema de refrigeração com todas as desagradáveis consequências que isso acarreta.

fonte:https://www.euromaster.pt/

publicado por adm às 08:35
link do post | comentar | favorito

.pesquisar

 

.tags

. abs

. actualidade

. adblue

. admissão

. admissão variável

. air bag

. amortecedor

. ângulo morto

. anticongelantes

. aquecimento

. ar

. arrefecimento

. árvores de cames

. as cores mais populares do mundo

. automoveis

. binário

. binário do motor

. biodiesel

. bomba direcção

. cabos de bateria

. caixa automatica

. caixa automática

. caixa dsg

. caixa embraaegm dupla

. calços

. câmbios automáticos

. cames

. carros

. carros a diesel

. carros electircos

. catalisadores

. catalizador

. caudalimetro

. circuito refrigeração

. city safety

. combustível

. concelhos

. coronavírus

. correia

. curiosidades

. curve control

. da cabeça do motor

. dicas

. dicionário do motor

. diesel

. diferencial

. direcção

. direcção assistida electro-hidráulica

. direitos quando leva o carro à oficina

. discos

. dpf

. egr

. embraagem

. emissões

. esp

. fap

. farois

. filtro ar

. filtro de combustível

. filtro de partículas (fap/ dpf)

. filtro do óleo

. filtros de partículas

. flex

. ford

. formula zero

. gasolina vs diesel

. gestão

. helios concept

. hibridos

. hidrogénio

. ignição

. injecção

. líquido de travões

. lubrificantes

. luz

. maf

. medidor

. mitos

. mola

. mola suspensão

. motor

. motores

. noticias

. novidades

. oleos

. pneus

. portugal

. potencia

. segurança

. sensor

. start/stop

. suspensão

. travões

. turbo

. turbos

. valvula

. valvulas

. velas

. velas de ignição

. vida

. todas as tags

.links

.arquivos

. Abril 2020

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Outubro 2016

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Outubro 2012

. Julho 2012

. Abril 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

.subscrever feeds